Glossário - Fundamentos de PHP e OTServ

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Glossário - Fundamentos de PHP e OTServ

Mensagem  rafaellm em Sex Nov 26, 2010 10:49 am

Olá!

No intuito de expansão do conhecimento da linguagem de programação PHP, tive a idéia de montar um guia prático de iniciação e de manipulação em PHP. Inicialmente, irei abordar os vários conceitos básicos do PHP e, posteriormente, a interação entre PHP e OTServ. Para isso, Boleta(eu) e Lancer irão, ao longo dos dias, atualizar o tópico com novos assuntos, funcionalidades, tutoriais... Portanto, não é um tópico "finito", inicialmente, pois estaremos sempre trazendo novidades.

- O Funcionamento do Tópico

Para uma boa organização e visualização do tópico, ao final de cada atualização iremos adicionar um "log" com todas as modificações feitas. Esse "log" ficará no fim da página. Também editaremos o título do tópico para que fiquem bem visíveis as mudanças.

Teremos, também, um índice, onde ficará muito fácil localizar os conteúdos do tópico.

-Observações Importantes

Não haverá tolerância em relação aos engraçadinhos que entram no tópico para falar "não entendi nada", "nossa você é bom mesmo", "legal o tópico" ou comentários do gênero. Caso seja visto, encaminharei o caso aos moderadores.

O tópico está totalmente aberto à qualquer tipo de dúvidas relacionadas à PHP . Pedidos, dúvidas sobre OTServ ou coisas parecidas estão completamente dispensados.

Nós não temos a obrigação de te ajudar. Criamos esse tópico para auxílio e não somos obrigados a tolerar qualquer tipo de indolência, desrespeito e inveja. Entenda que ajudaremos quando possível.

Não envie mensagens particulares com perguntas. Caso tenha dúvidas, faça um post aqui .

Não faça plagio do tópico. Ele foi criado para a OTServ Networks. Caso retire qualquer conteúdo do mesmo, deixe explícito os devidos créditos. Caso a regra acima não seja respeitada, iremos tomar providências muito severas com os responsáveis.

Índice

1 - Introdução

1.1 - O que é PHP

1.2 - Como usar o PHP

1.3 - XAMPP

1.4 - Banco de Dados MySql

2 - Iniciando

2.1 - Página

2.2 - Tag PHP

2.3 – Rotinas

----------------------------------

1 - Introdução

1.1 - O que é PHP

PHP é uma Linguagem de Programação em ambiente WEB onde se idealiza e cria websites. É uma das linguagens mais usadas para esse fim e é muito flexível. Para os programadores com experiência em outras linguagens de programação, PHP se torna uma linguagem simples e de fácil uso. Seu website oficial é o www.php.net, onde se econtra tudo sobre PHP.

A versão atual do PHP é a versão 5, e nosso curso é baseado nela.

1.2 - Como usar o PHP

O PHP é uma ferramenta que nescessita de um servidor para que funcione. Junto a esse servidor é nescessário, também, um Web Servidor, que faz com que eu, você e qualquer outro possamos acessar páginas na Web.

Atualmente, existem Kits práticos que integram ambas as funcionalidades em um único softwares. Nesse mini-curso, usaremos o Xampp, que é um dos melhores que existem no mercado atualmente.

1.3 - XAMPP


Site Oficial: http://www.xampp.org/

Download Link (Windows): http://www.apachefriends.org/download.php?xampp-win32-1.6.6a-installer.exe

Download Link (Linux): http://www.apachefriends.org/download.php?xampp-linux-1.6.6.tar.gz

Faça o download do XAMPP e instale-o em seu computador.

Após instalá-lo, inicie o Xampp Control Panel. Em frente à Apache e Mysql, veremos 2 botões, chamados "Start". Clique nos dois e assim iniciaremos ao mesmo tempo o WebServidor + Servidor PHP (Apache) e o Servidor MySQL (Banco de Dados). Ficará mais ou menos assim:

Só isso? Sim, só isso. Agora temos um servidor web rodando e um servidor mysql rodando. Para ver a página inicial criada pelo XAMPP, acesse http://localhost/.

1.4 - Banco de Dados MySql

Acredito, eu, que a maioria de vocês já ouviu falar em banco de dados. Pois bem, para aqueles que não sabem o que é, um banco de dados serve para guardar informações, desde pequenos números até longos textos.

Podemos usar o Banco de dados MySql em qualquer plataforma e de maneira fácil. De acesso de longa distância a acesso local. Será nele que trabalharemos nosso curso.

Só para exemplificar, os grandes OTServs (a maioria deles) usam o MySql para guardarem as informações do seu servidor. Contas, guilds, casas, etc.

2 - Iniciando

2.1 - Página


Em PHP não possuímos um compilador, como na maioria das linguagens de programação para ambiente windows. Todas as páginas são criadas a partir de arquivos, onde a extensão pode variar. Normalmente, usa-se a extensão .php, que indica que a página exibida está sendo "nutrida" por um servidor PHP.

No Xampp, colocamos todos os arquivos dentro da pasta "htdocs" (C:\Xampp\htdocs [o diretório vai depender de onde você instalou o Xampp]) que é a pasta raiz. Aconselho a você que se quiser montar vários sites, crie pastas para cada um. Estes serão acessíveis no link http://localhost/pasta/ .

Quando acessamos um link sem especificar o arquivo (como no exemplo acima), o webserver procura o arquivo index (.php, .html, .htm, etc) e exibe seu conteúdo no navegador. Páginas específicas são acessadas assim: http://localhost/pasta/pagina2.php . Além disso, pode-se acessar arquivos em subspastas: http://localhost/pasta/pasta2/pasta3/arquivo5.php .

Por questão de segurança, é importante que você mantenha uma página index.php em todas as subpastas do seu site, para que ninguém possa acessar seus arquivos e obtê-los.

Por enquanto não abordaremos HTML, mas aconselho a vocês que deem uma olhada nos tópicos referente ao assunto, ainda nessa seção do fórum.

2.2 - Tag PHP

O PHP é uma linguagem onde não se executa nenhum código no browser do usuário, ou seja, todas as informações são processadas e executadas no servidor e em seguida são enviados, ou não, dados ao navegador.

Para exemplificar bem, imagine que sua professora peça a você um trabalho sobre literatura. Você o faz e entrega para ela apenas o trabalho pronto. Em PHP, temos uma situação parecida: o navegador requisita, ao servidor, uma página (função da professora) e o aluno, após fazer as pesquisas e rascunhos (função do programador), monta o trabalho completo e entrega à professora apenas o resultado de tudo que ele pesquisou, processou, executou (função do servidor).
Nosso trabalho, como programadores, é montar os rascunhos e entregá-los de presente ao servidor. Para isso, usamos as páginas, como vimos no tópico acima.

O Servidor PHP funcionará da seguinte maneira:
Abrirá o arquivo indicado, procurará por todos os códigos PHP que possam existir dentro desse arquivo, processará e, caso haja nescessidade de retorno de informações, "escreverá" na página. É importante ressaltar que o navegador não entra em contado com os códigos feitos pelo programador em nenhum momento, pois esse já terá sido "eliminado" pelo servidor PHP.

Uma página Web, em 99,9% das vezes, não é feita só de códigos PHP. Sendo assim, devemos indicar, no arquivo, o espaço reservado à execução dos códigos PHP. Isso é feito da seguinte maneira:
Código PHP:
<?php

?>


Chamada de Tag PHP, esse espaço delimitado criado por nós faz com que todo o código que esteja depois de <?php e antes de ?> seja depurado pelo servidor. É importante resaltar que podemos ter quantas Tags PHP quizermos dentro de nossa página.



2.3 - Rotinas

Em PHP, como toda linguagem de programação, temos como base o uso de Rotinas. Em programação, usar uma Rotina quer dizer ordenar ao servidor que execute algo. Para exemplificar, imagine que você esteja com sede e ordena à sua mãe que busque para você um copo d'água. Esse "ordenar" exerce a mesma função da Rotina.

Para ser mais claro, vamos ao nosso primeiro exemplo prático.

Quando programamos, passamos por 3 fases: a fase onde se escolhe o que vai fazer, a fase em que se cria a ideologia do código, ou seja cria-se, mentalmente, um código falado (algorítimo), e a fase em que se monta o código que executará aquilo que você deseja. Vamos em partes:

1ª Fase: Quero que o programa escreva na tela: "Ser ou não ser, eis a questão". (É o que eu quero fazer)

2ª Fase: Escreve na tela: "Ser ou não ser, eis a questão". (Ordem: Diz que quer escrever na tela um texto, em língua portuguesa)

3ª Fase:

Código PHP:
<?php
echo 'Ser ou não ser, eis a questão';
?>

(Código)

E pronto! Temos montada nossa primeira linha de código:

Usamos a rotina Echo, que faz com que o servidor insira, à página, certo texto. Logo em seguida, informo ao echo o que quero que ele escreva na tela. Esse complemento, que auxilia a rotina, é chamado de parâmetro (podemos ter vários em uma só rotina). Logo depois, inserimos o ponto e virgula ( ; ) para informarmos que chegamos ao fim daquela rotina.

Para testar, cole o código acima em um arquivo qualquer (dentro da pasta htdocs, claro), salve-o e acesse o arquivo (pelo navegador da internet).

rafaellm
Membro
Membro

Mensagens : 23
Data de inscrição : 26/11/2010
Idade : 27
Localização : Braganca-Paulista

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum